sábado, 13 de agosto de 2011

O que alguns bipolares famosos já disseram - Janis Joplin

1.
Não se venda: você é tudo o que tem!
 
2.
Estão me pagando US$50.000 por ano para que eu seja como eu sou.
 
3.
Se me importo com o que dizem de mim? O pior que podem falar de mim é que nunca estou satisfeita com nada.
 
4.
O amanhã nunca chega... é sempre a mesma porra de dia.
 
5.
Posso não durar tanto quanto outras cantoras mas sei que posso destruir-me agora se me preocupar demais com o amanhã.
 
6.
O pior que podem falar de mim é que nunca estou satisfeita.
 
7.
Você não sabe como é amar alguém como eu te amo.
 
8.
Nunca fui capaz de controlar meus sentimentos, mantê-los lá dentro. Antes, isso estragava a minha vida, sempre fui uma vítima de mim mesma. Eu fazia coisas erradas, fugia, ficava maluca. Agora faço esse sentimento trabalhar para mim, através da música, ao invés de me destruir.
 
9.
Eu trocaria todos os meus amanhãs por um único ontem.
 
10.
Todo mundo já esteve apaixonado e foi abandonado, e todo mundo já teve alguém que amou de verdade e que não foi capaz de amar. E isso é dor e é sofrimento, e é dessas coisas que eu falo quando canto, preciso acreditar nas palavras senão não consigo cantar. E lá estou eu expondo a minha alma, meus sentimentos, tudo o que tenho por dentro, e se olho a platéia e eles não estão entendendo, é como um soco na cara.
 
11.
Eu nunca vou conseguir ser um astro como Dylan ou Hendrix por que eu sempre falo a verdade...
 
12.
Solte-se e você será muito mais do que jamais sonhou ser.


Leia mais
O que alguns bipolares famosos já disseram - Marilyn Monroe
O que alguns bipolares famosos já disseram - Jimi Hendrix

2 comentários:

Marly B Ribeiro disse...

Oi meu Escritor!!!!
Acho que já disse algumas destas frases também...
Mas hoje a minha frase favorita é : "POR FAVOR NÃO PARE O SEU TRATAMENTO!" Eu não quero parar de jeito nenhum, depois de anos lutando entre aceitar a doença, e rejeitar o diagnóstico,NÃO PARO.Que Deus me sustente sempre nesta decisão!Que Ele sustente a todos nós porque de fato fácil não é, mas querendo, podemos alcançar uma qualidade de vida muito melhor.
Um abraço Breno!
Com carinho
Marly

Kati disse...

"Nunca fui capaz de controlar meus sentimentos, mantê-los lá dentro. Antes, isso estragava a minha vida, sempre fui uma vítima de mim mesma. Eu fazia coisas erradas, fugia, ficava maluca. Agora faço esse sentimento trabalhar para mim, através da música, ao invés de me destruir"

Essa é muito boa, seu blog ta cada dia melhor... hahahah

Beijos...