domingo, 10 de julho de 2011

Blogs legais - Transtorno Bipolar

Há vários blogs sobre transtorno bipolar ou escritos por bipolares. Ainda que seja uma missão impossível falar de todos, não custa nada tentar...


Blogs sobre TAB

O Bipolar Brasil tem um acervo bastante grande de posts sobre TAB e assuntos correlatos, além de vários relatos enviados por bipolares ou por pessoas que convivem com bipolares.

Desses relatos, talvez os mais interessantes sejam aqueles que envolvam relações amorosas. Alguém se apaixona por um bipolar e tem dificuldades em manter o relacionamento. Nesse caso, temos uma visão do TAB dada por um não-bipolar.

Se você visitar o Bipolar Brasil pela primeira vez depois de ter lido este post, encontrará tantas postagens já publicadas, todas tão interessantes, que levará dias visitando e revisitando o blog.

É talvez o blog mais completo sobre TAB que você encontrará na Internet, tanto para se informar, como para ler relatos, com a vantagem de que este é escrito em português!

Ainda que o Will e a Maga sejam bipolares, preferi falar do Bipolar Brasil à parte; porque já não se trata de um blog diário, como veremos a seguir.


Blogs escritos por bipolares

Além de alguns blogs informativos, você encontrará inúmeros blogs do tipo diário.

Blogs diário são escritos por bipolares que procuram relatar o seu dia-a-dia, ainda que muitos também tragam informações sobre o TAB e assuntos correlatos.

Todos os blogs escritos por bipolares têm algo especial. Não só o que eles dizem, mas também a maneira como dizem, fazem a diferença. Não se escreve do mesmo modo nas fases de mania e de depressão. Nas de depressão, por exemplo, às vezes nem se escreve!

Eis, em ordem alfabética, alguns blogs.


Em A Bipolar, você encontrará posts dela sobre o ex-namorado, etc. Ainda que lendo A Bipolar você possa confundi-la aqui e ali com uma boderline, você concluirá que há características suficientes para vê-la como bipolar, especialmente se insistirmos na visão que ela tem do ex.

Mesmo que A Bipolar não seja um caso único, vê-lo num blog, com pormenores relatados em linguagem subjetiva, não é comum. Costumamos ouvir tais relatos confidencialmente, verbalmente, ou lê-los em Literatura médica através de textos objetivos.


Em Cantinho Bipolar, você encontrará a Preta. Ela é casada, tem filhos e vive no Rio Grande do Sul. Talvez o mais interessante deste blog seja ver o TDAH como comorbidade, além do fator hereditariedade naqueles posts em que ela fala da filha.

Ainda muito interessante, em Cantinho Bipolar, é o TAB-IA da filha da Preta; porque temos aí uma guria com 12 anos já, diagnosticada como bipolar aos 5. Lembremos que TAB-IA e TAB adulto podem ser bastante diferentes. Será o caso?


Em Desabafos Bipolares, você encontrará posts de uma professora de Brasília. Ela tem um filho e tenta levar uma vida normal. Você pode ler postagens sobre o que ela enfrenta na escola, tratamento, remédios, amigas bipolares, etc.

As fases de euforia, em Desabafos Bipolares, são bem relatadas, incluindo o aumento da libido. Por outro lado, as fases depressivas e a vontade de manter uma rotina (ela é professora, lembremos) são outro tópico do blog.


Em Francine's Bipolar World, você encontrará uma bipolar chamada Francine. Seu dia-a-dia aparece no blog, mas no blog você verá posts que vão além do TAB. Eu não imaginaria, por exemplo, encontrar um fragmento de Waldo Emerson (um excelente escritor, folósofo e poeta americano do séc. XIX) publicado num de seus posts.

O mundo bipolar de Francine é bastante rico. Ela é bipolar desde os 16 anos, filha de uma bipolar. Aqui também, portanto, poderíamos falar de hereditariedade e de TAB-IA, mais precisamente de TAB na adolescência, ainda que agora ela seja uma bipolar adulta.


Em Mãe Bipolar, filha Jacaré, você encontrará a Di. Ela é bipolar e tem uma filha (entendeu agora o nome do blog?). Este blog é interessante por vários motivos. Nele, os tópicos são TAB e gravidez; TAB e filhos; TAB e casamento... Como a Preta, ela também é casada.

Sabemos que as relações amorosas vividas por bipolares não costumam ser fáceis, devido às variações de humor, e uma bipolar casada é sempre um belo incentivo àquelas bipolares que desejam o matrimônio, mas ainda não acharam o príncipe encantado, por assim dizer. De modo geral, se agora estamos falando de bipolares solteiras, a vontade de encontrar alguém é maior na medida em que não se encontra alguém...


Em Por 1 Triz, você encontrará o Wellighton, diagnosticado como bipolar aos 7 anos. Isso, por si só, já torna este blog todo especial. Porque não há muitos relatos de bipolares adultos que manifestam o TAB desde a infância.

Como as postagens mais antigas de Por 1 Triz datam de 1991, o blog já tem um número bastante grande de posts. Se você ainda não visitou este blog, encontrará no arquivo do blog postagens que abrangem um período de 20 anos, desde 1991 até 2011, o que é surpreendente, talvez inédito!


Em Mensagens Abençoadoras, você encontrará uma bipolar chamada Marly. Assim como a Preta e a Di, a Marly é casada e tem filhos. É outro belo exemplo de que bipolares podem sonhar com o casamento e uma vida a dois.

O tópico do blog, em Mensagens Abençoadoras, é o religioso. É muito interessante quando religião e TAB são tratados no mesmo post. Eu mesmo já refleti bastante sobre até onde vai o livre-arbítrio de um bipolar, fazendo isso sob vários pontos de vista: médico, filosófico, ético, religioso...


Em Solar Bipolar, você encontrará posts de uma terapeuta chamada Ana, que tenta conviver com o TAB. Ela deseja emagrecer, conhecer um homem minimamente interessante, etc. Enfim, não são desejos diferentes daqueles que mulheres não-bipolares têm. O TAB é que faz toda a diferença em sua vida...

No Solar Bipolar, há várias passagens bem-humoradas, mesmo quando o assunto é sério. Talvez você se lembre do Diário de Bridget Jones. A primeira imagem que você verá ao entrar no blog é a de um solar ou sobrado. Vale a pena seguir este e os outros blogs.


Há vários outros blogs interessantes para seguir, na lista BLOGS LEGAIS do Mastigando Estrelas, na coluna à direita. Afinal, eles não estão ali por acaso! Mas advirto que nem todos os blogs da lista são bipolares.

Sobre informações, lembremos que vários bipolares não revelam a identidade nos blogs, ou não fornecem informações suficientes para que sejam identificados. Por isso, neste post, reproduzi apenas informações disponibilizadas de maneira clara ou contínua nesses blogs.

Enfim, para um pequeno cardápio de blogs bipolares com perfil aberto, espero já ter oferecido um mínimo de opções, à parte a lista BLOGS LEGAIS, que sempre existiu.


Leia mais

5 comentários:

RSR disse...

Legal este post. Adicionei mais gente. Obrigada por falar do meu blog, gostei da sua visão sobre ele. Quando vc fala ""Não se escreve do mesmo modo nas fases de mania e de depressão"" Acho isto tão claro né. As variações são sentidas através da verbalização. Interessante este seu comentário.

NebulosaMente disse...

Breno, valeu pelas dicas. Tenho muito que aprender ainda, já estou seguindo todos.

Francine disse...

Obrigada pela dica que vc me deu para eu escrever sobre TAB-IA! Já comecei com a 1ª postagem sobre isso:

* Série "Eu Me Lembro" Parte 1: O lado sombrio da minha infância

Ainda tem mais três postagens sobre o assunto... Depois que
ria passar pro meu psiquiatra dar uma avaliada, seria bem legal postar no blog.

Abração da Francine

http://nomundodafrancine.blogspot.com

A Bipolar disse...

eu tô aqui e nem sabia. obrigada!
e eu falo muito no meu ex? em qual deles? hahahaha
bjos

Yvy disse...

Gostei muito do seu blog. Acabei de criar m também e gostaria muito que vocês participassem: www.normalouco.blogspot.com - a idéia é trocar experiências, falar besteiras e coisas sérias. bjos